Discurso posse IF-Farroupilha

Boa noite a todos e a todas !

Ao cumprimentar a magnífica Reitora, prof. CARLA COMERLATO JARDIM, cumprimento todas as autoridades aqui presentes.

É uma grande alegria participar da posse da primeira Reitora eleita do Instituto Federal Farroupilha.

Durante alguns meses tive a oportunidade de atuar nessa grande instituição como Reitor pro tempore, liderando o processo de transição da gestão do prof. Carlos Alberto (carinhosamente chamado de prof. Caio) e da prof. Carla.

Foram meses especiais e de grande aprendizado !

A partir de uma parceria bem sucedida com a Reitora eleita, colocamos em prática diversas ações importantes para aumentar a transparência da gestão, para desenvolver os servidores, para fortalecer a gestão participativa e para integrar os campi com a Reitoria.

No ano passado já havia realizado trabalho semelhante junto ao IF-SC, quando durante um semestre, ocupamos a mesma função de reitor pro tempore.

Percebemos que há muitas similaridades entre o IF-SC e o IF-Farroupilha.

Aprendemos que é possível uma parceria permanente.

Atualmente o IF-Farroupilha atende quase 13 mil estudantes em 8 campi e mais de 30 pólos de Educação a Distância. Esse número é 4 vezes maior do que há 4 anos.

Esse crescimento é fruto do grande trabalho realizado pelos quase mil servidores.

É fruto também da bem sucedida política para a Educação profissional e tecnológica desenvolvida pela SETEC e pela equipe liderada pelo ex-reitor prof. Caio.

Poucos se lembram, mas o processo de implantação dos institutos federais é ainda muito recente: apenas 4 anos.

Nesse período muito foi realizado para integrar 2 autarquias federais e suas unidades, que se uniram para serem mais fortes juntas.

Confesso que fiquei impressionado com a qualidade dos prédios, com a área dos campi, com o nível dos equipamentos, com a qualidade da alimentação servida nos restaurantes e com a garra e juventude dos servidores.

Prof. Caio e sua equipe construíram as fundações e a estrutura de uma grande instituição.

Sabemos que uma casa é feita de várias etapas.

A estrutura está pronta. Agora o desafio é integrar os campi e construir uma identidade institucional.

Será com certeza um dos principais desafios da nova gestão.

VIVEMOS UM MOMENTO BASTANTE FAVORÁVEL PARA A EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA.

Apesar do cenário internacional desfavorável, o país vem incluindo milhões de brasileiros que viviam abaixo da linha de pobreza.

Todos concordamos que a educação profissional tem o poder de mudar para melhor a vida das pessoas.

Sou filho de trabalhadores rurais do interior de São Paulo.

A educação profissional transformou-me em um cidadão pleno.

Mas não pude cursar um curso técnico porque em minha cidade só havia cursos pagos.

Aprendi a profissão de desenhista com um profissional mais experiente em um escritório de engenharia aos 13 anos. Lá se vão 30 anos.

Com essa profissão paguei minhas despesas durante a universidade de engenharia mecânica e isso me trouxe aqui hoje.

Se a educação profissional pode mudar uma vida, milhares de profissionais bem formados são capazes de mudar uma cidade.

Milhões de profissionais podem mudar um país.

Essa é minha crença como educador e como gestor público.

Essa instituição que gentilmente me acolheu está fazendo sua parte.

As milhares de vagas ofertadas em todos os níveis pelo IF-Farroupilha estão ajudando a desenvolver as cidades do Rio Grande do Sul.

E estão ajudando a desenvolver cultural e economicamente não apenas as cidades onde os campi estão sediados ou onde estão instalados os pólos de EAD.

Um campus localizado em uma cidade como Santo Augusto por exemplo tem o poder de desenvolver toda região em seu entorno.

Esse movimento está acontecendo em todas as regiões do país.

O Brasil vive um momento positivo de protagonista no cenário mundial com a realização dos jogos pan-americanos, da copa do mundo e dos Jogos Olímpicos em um período de 10 anos.

A descoberta das reservas de petróleo do pré-sal e a sábia decisão de investir os recursos obtidos com sua prospecção na educação nos enche de esperança.

Essa é uma grande oportunidade para a valorização dos profissionais da educação.

Principalmente daqueles que atuam na educação básica. Esse é o caminho para alcançarmos o desenvolvimento que tanto sonhamos.

E não podemos falar em desenvolvimento sem falar em Inovação !

Sem falar em ciência e em tecnologia.

A CIÊNCIA E a TECNOLOGIA estão por trás de grandes invenções tais como o telefone, a refrigeração, o automóvel, o avião, satélites, computadores, internet e também da extração do petróleo em águas profundas…

Pensem sobre o que significou a invenção da máquina a vapor para a Inglaterra?

Vejam que apenas em 1971 atingimos um milhão de telefones instalados no Brasil.

Essa marca já havia sido atingida em 1901 nos Estados Unidos.

Hoje, a boa notícia é que somos um dos países mais conectados à internet do mundo.

E isso significa que estamos dentro da sociedade do conhecimento em um caminho sem volta.

Temos o desafio de motivar nossas crianças desde cedo para que elas gostem de ciência e tecnologia.

Porque são as inovações que transformam os destinos dos países e por consequência da humanidade.

Os Institutos Federais são estratégicos na formação das futuras gerações de empreendedores, inventores e pesquisadores. Estratégicos na formação de cidadãos plenos.

PARA CONCLUIR, Nesse momento tão festivo, só tenho que agradecer muito.

Agradeço especialmente ao prof. Aléssio Trindade, nosso Diretor de Desenvolvimento da EPT,

Ao Ministro da Educação Dr. Aloísio Mercadante,

ao prof. Marco Antônio Oliveira, nosso Secretário da Educação Profissional e Tecnológica por me confiarem tão importante missão.

Destaco também e agradeço aos prof. Eliezer Pacheco, prof. Fernando Haddad, prof. Getúlio Ferreira e prof. Gleisson Rubin pela valorização da EPT.

Nunca se fez tanto pela educação profissional em tão pouco tempo.

Em pouco mais de 6 anos foram implantados 250 novos campi em todo o país. Saímos de 154 unidades em 2005 e chegaremos a 560 em 2014. Uma revolução !

Também não poderia deixar de expressar meus sinceros agradecimentos a todos aqueles que contribuíram durante a transição de gestão no IF-Farroupilha. Ninguém faz nada sozinho.

Agradeço muito ao prof. Caio pela sua postura ética e pelo incentivo permanente,

às Procuradoras Federais Dra. Elvira e Dra. Mariluce, sempre dispostas a trabalhar além de seus horários levando até trabalho para casa para agilizar os processos de licitação.

À ex-chefe de gabinete Dalva pela sua sensibilidade nos momentos mais delicados.

à atual chefe de gabinete prof. Ângela e toda equipe de Gabinete Ana Claudia, Tais e Silvia.

aos colegas pró-reitores, ALBERTO, JULIO, TANIRA e ADILSON.

Agradeço ainda aos colegas Diretores dos campi prof. MARCELO, MARCOS, RODRIGO, LUCIANI, JOÃO FLÁVIO, CARLOS EUGENIO, LUIZ FERNANDO, ADRIANO, Ana Paula, Ana Rita e Alexander.

Agradeço a confiança dos membros do Conselho Superior e o apoio dos prefeitos onde estamos instalados.

Obrigado especial ao Reitor da Universidade Federal de Santa Maria, parceiro em todos nossos pleitos.

Agradeço a todos o demais colegas da Reitoria e dos campi que sempre enviaram mensagens de apoio nos momentos mais difíceis. Sem o incentivo dessas pessoas nada seria possível.

Agradeço especialmente a Lidiane, Fernanda, Tatiana, Gustavo, Nídia, Alexandre Machado e Cândida pelas discussões sobre liderança e ética. Aprendi muito com vocês sobre as tradições do Rio Grande do Sul.

À magnífica Reitora Carla, a quem aprendi a respeitar e admirar a cada dia pela sua fibra e disposição!

Agradeço finalmente o apoio incondicional de minha família !

Não há sucesso pleno sem a união familiar.

Confio plenamente na competência técnica e política da prof. CARLA e de sua equipe para conduzir bem os rumos do IF-FARROUPILHA nos próximos 4 anos.

Prof. CARLA, Luiz Fernando e Ana Paula

sejam felizes e façam os estudantes e servidores do IF-FARROUPILHA Felizes.

Foi uma honra servi-los nessa missão Farroupilha!

Tenham um grande ano de 2013 junto com seus amigos e familiares !!

Que a “chama crioula” nunca se apague em seus corações !

Muito obrigado pela atenção.

Prof. Jesué Graciliano da Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *